quarta-feira, 20 de agosto de 2008

A tese em Visconde de Mauá - n 6

Mal amanhece o dia e Edílson já está de pé para preparar o café da manhã ; acende o fogão a lenha , esquenta a água do café e põe os pães , que ele mesmo fazia , para assar . De uma fazenda vizinha , chega Josué , que trás  , ao lombo de mula , o queijo , o leite , o mel , o yogurte  , a geléia , o pinhão e os ovos , que vinham embrulhados em palha de milho , um a um , para não quebrarem. Enquanto aguarda os hóspedes , ajusta os últimos detalhes , troca a água dos beija-flores e espalha algumas frutas no deck externo para os passarinhos , que , diariamente ,  aparecem para compartilhar o café da manhã .  

Um pouco mais tarde , entra Lutti para o café da manhã . Edílson aproxima - se e pergunta :

-Bom dia Lutti , como foi sua primeira noite nas montanhas de Visconde de Mauá ? Dormiu bem ?

- Bom dia , apesar do frio que fez , minha noite foi ótima - responde Lutti . Consegui acender a lareira , depois que o chalé ficou quentinho , deitei e dormi embalado pelo som das águas que corta  a  pousada . Aliás , hoje cedo , pude não somente ouvir , como também pude ver o rio , fiquei impressionado com o brilho e transparência d's águas .

maromba138

-É realmente a qualidade e a quantidade de  águas límpidas fazem o diferencial de Visconde de Mauá - explica Edílson . Além disso , como a pousada está acima das vilas , somos a primeira área a receber as águas que descem diretamente do Parque Nacional , garantindo sempre uma água de ótima qualidade , tanto que agora nossa área pertence a APA da Mantiqueira , Aréa de Proteção Ambiental  .

- É bom saber que agora o governo está protegendo seus patrimônios naturais - responde Lutti .  Mas mudando de assunto , estou faminto e este café da manhã está com uma cara ótima .

-Por favor , fique à vontade e sirva-se ! Se precisar de qualquer coisa , estou por aqui . Responde Edílson prontamente . 

Continua ...

Nenhum comentário: